Final de ano é o período mais perigoso do ano para gastos que não estão previstos. Aprenda a se organizar para não gastar dinheiro à toa. Como não gastar dinheiro em excesso nesse final de ano? Você pode estar achando que é cedo para pensar nisso e que, normalmente, você faz esta organização naquela lista de desejos para o ano novo, não é verdade?
Mas, não se engane, assim como o ano passou rápido, é bem capaz que em um piscar de olhos já estejamos aqui brindando o réveillon! Portanto, este artigo é para lembrar que começa agora uma fase importante para que você possa entrar em 2022 com o bolso feliz, ou, ao menos, sem fazer dívidas desnecessárias que possam atrapalhar todo o seu planejamento. Vamos falar sobre isso?

As promoções de Black Friday
Novembro é um mês importante para o comércio. Isso porque quem é funcionário, com carteira assinada, normalmente recebe a primeira parcela do 13º salário, ou seja, tem mais dinheiro circulando e, com isso, muitas compras – inclusive não planejadas – costumam ser feitas. Cito a Black Friday porque com dinheiro na mão e sem um planejamento financeiro, muita gente acaba gastando o que não devia com uma série de itens desnecessários. É bom que você esteja atento agora para não entrar para esta estatística. Gastar à toa e ainda correr o risco de começar 2022 com muitas dívidas. Se você ainda não sabe como não gastar dinheiro à toa nesse fim de ano, o primeiro passo é procurar ser consciente. Comece a avaliar agora se realmente existem produtos que você gostaria de comprar e já pesquise os preços para não levar “gato por lebre” no próximo mês, combinado?

O 13º salário
Nesta fase do ano também começa a ser irrigada pelo 13º salário que entra na economia a partir de novembro. Este é um item importante porque pode ser usado tanto para gastos, e consequentemente causando endividamentos desnecessários, quanto para você negociar a quitação de dívidas, ou ainda dar um primeiro passo na formação de uma reserva de emergência. O que você prefere? Se você estiver endividado, não pense duas vezes. Como costumamos ressaltar aqui, alguém que está devendo – e muitas vezes pagando juros altos por isso – não consegue seguir adiante em nenhum planejamento financeiro, o que é compreensível. Afinal, como guardar dinheiro ou investir se parte do que ganha parece estar saindo da conta feito bola de neve?

O 13º, para negociar as dívidas
Não aceite de cara a primeira proposta. E se não der para pagar tudo, vale trocar a dívida mais cara por uma mais barata e negociar novamente. Se você não tem dívidas, maravilha. Entretanto em ambos as situações você deve separar parte do 13ª para a sua reserva e/ou carteira de investimentos.

Resolvi tratar desse tema agora pois é preciso que você esteja atento desde já à publicidade que vai começar a aparecer em sua telinha em breve. Quanto mais consciente financeiramente você estiver, mais difícil será gastar dinheiro à toa ou se endividar. E mais adiante, tenho certeza que você agradecerá a si mesmo por ter agido de forma responsável e equilibrada nesta fase do ano!

Referências Bibliográficas

Sobre nosso trabalho 

Se este artigo fez sentido e fez você refletir de alguma forma, a PBS (Personal Business Solution), em conjunto com a Five Rings Financial e a Agência Brazillionaires, oferece serviços de consultoria financeira para a comunidade brasileira e demais imigrante nos EUA. Através de ampresas americanas com mais de 100 anos de atuação no mercado, nossos consultores licenciados têm acesso a produtos financeiros que proporcionam um planejamento patrimonial para todos os orçamentos. A nossa consultoria é um processo de Educação Financeira na qual nosso cliente aprende, desde conceitos básicos de finanças pessoal, até estratégias financeiras e tributárias mais elaboradas disponíveis aqui nos EUA, para organizar, proteger e aumentar o seu patrimônio. Fale com um de nossos Educadores Financeiros, é totalmente grátis.

Novos artigos todas as terças e quintas.